Empresa de Empregos no Japão

Um de nossos melhores clientes é a Agência de Empregos no Japão – HBN, onde temos uma parceria para captação de candidatos descendentes de japoneses vindos do Brasil e até do Japão. O conteúdo profissional para otimização de site para busca orgânica assim como os anúncios pagos na gestão google ads é feita para os clientes da empresa que estão no Brasil e no Japão.

O candidato que busca vagas de emprego no Japão e estão no Brasil, passam por uma entrevista de emprego aqui no Brasil, algumas vezes via SKYPE ou presencialmente, e se passarem na entrevista, a agência dá o início ao trâmite de documentação para o visto de trabalho, passagem aérea, e consultoria na chegada ao Japão.

E para quem já está no Japão, as vagas de empregos no Japão são encontradas de acordo com o perfil do candidato, e a entrevista no local de trabalho. Senso assim, os leads dessa empresa são trabalhados na mesma campanha, porém os anúncios levam ao Whatsapp que uma profissional de RH atende nos dois países, indicando a próxima etapa para cada candidato, e as possíveis vagas enviadas para cada um.

As vagas de empregos para quem está no Brasil, são diferentes das vagas de quem se encontra no Japão, mesmo porque uma vez que a pessoa se encontra no Japão, ela consegue trabalhar imediatamente, sendo necessário apenas fazer uma entrevista e se mudar para o local, caso passe na entrevista. Mas quem está no Brasil, depende de vagas de emprego onde as empresas esperam até 6 meses para o embarque do candidato, ficando muito rígido o controle do profissional na entrevista de emprego.

São levados em conta uma série de fatores como, documentação inicial. O candidato deverá tirar o passaporte antes de tudo, pois se tiver alguma restrição em seu nome, ou ficha suja na polícia, o mesmo não consegue viajar, muito menos tirar o passaporte.

Com o passaporte em mãos, a agência pode dar início ao trâmite de análise da vaga de emprego no Japão, e continuar o processo seletivo, para toda a comodidade do futuro Decasségui (descendente que viaja ao Japão a trabalho).

Hoje o site da empresa encontrasse posicionado na primeira página do Google na busca orgânica com a otimização de site e nos links patrocinados, aparecendo quase que 24 horas para quem estiver a procura de emprego.

Todo o conteúdo do site foi criado por nossa agência e ainda hoje postamos mensalmente novos conteúdos e textos profissionais com apelo jornalístico ou com programação para base de dados de emprego do Google.

Também desenvolvemos um vídeo que se encontra na home do site da empresa para anúncios no Youtube, atraindo candidatos que pesquisam vídeos relacionados a empregos no Japão. Tudo isso para alavancar os lucros da agência full time no ambiente digital.

No processo de criação de conteúdo e geração de leads da empresa de empregos no Japão HBN, nós estudamos empresas das quais mais existem vagas e mais geram demanda de buscas por candidatos, além de entender quais as regiões com maior número de vagas, assim caso posicionado o conteúdo, tem mais acessos graças a demanda.

A cada nova vaga de emprego que surge em uma determinada fábrica, em uma região específica, dependendo do número de funcionários a serem contratados, desenvolvemos conteúdo profissional para busca orgânica, ou criamos apenas as campanhas de Gestão Google ADS, para não gerar acessos futuros que gerem reclamações por não existirem mais as vagas.

As campanhas devem ser bem elaboradas pois muitos brasileiros sem descendência buscam por empregos no Japão, mesmo não podendo embarcar, pois com a pandemia e a quarentena de coronavírus em 2020, as poucas vagas que sobraram são apenas para descendentes da segunda e terceira geração.

A medida que o Japão começa a melhorar sua economia, nossa agência digital fica de olho nas vagas da empresa e cria quase que automaticamente os conteúdos relacionados afim de gerar mais leads qualificados para a HBN.

Emprego no Japão

1 – Como conseguir Empregos no Japão?

Primeiro você precisa ser descendente de japoneses, pois na quarentena, só tem vagas para descendentes.

2 – Preciso de documento para trabalhar no Japão?

Sim, certidões de nascimento e casamento dos pais, além das suas, koseki tohon, passaporte, e fotos da família.

3 – Preciso de dinheiro para viajar para o Japão?

O financiamento é total, mas é sempre bom levar um pouco de dinheiro. Recomendamos que você venda tudo o que tiver para levar em dinheiro.

4 – Posso pagar tudo no Brasil, para embarcar sem prolemas?

Sim, pode pagar documentação e passagem aérea para o Japão aqui do Brasil, ficando mais em conta os custos quando começar a trabalhar.

5 – Com a pandemia e quarentena, como estão as vagas de empregos no Japão?

O Japão está em alerta de pandemia e em quarentena leve, ou seja, as fábricas estão com horas reduzidas. Como no Brasil o Consulado está parado, só embarcam pessoas com visto, re-entry e permanente.

6 – Quais são os horários de funcionamento da Agência de Empregos no Japão?

O candidato tem acesso ao nosso escritório de segunda a sábado das 09:00 as 17:30, mas ligue antes para agendar.

O conteúdo Empresa de Empregos no Japão aparece primeiro em Conteúdo Profissional, Otimização de Site, Gestão Google ADS.

Empregos no Japão



Empregos no Japão, quem pode ir a trabalho

As vagas de empregos no japão são destinadas à brasileiros descendentes de japoneses até a terceira geração (issei, nissei e sansei) e/ou seus cônjuges, conforme prevê a Lei de Imigração do Japão. Vagas somente para homens na faixa etária de 18 até 45 anos. Embarque imediato para quem já tem visto japonês.

Condições de trabalho
Salário inicial de ¥1.200 por hora. Conforme a lei trabalhista japonesa, ao se completar 8 horas trabalhadas, começa a contabilizar a hora extra. A carga horária é de cerca de 45 horas semanais. Horas extras e dias extras têm 25% sobre o salário normal. Média de 3 horas extra por dia.

Para onde vão os brasileiros
A empresa especializada em estruturas em metal está contratando em sua unidade na cidade de Kuki, na província de Saitama, no leste do Japão.

Moradia
A empresa oferece apartamentos semi-mobiliados e alimentação, mas despesas de luz, água e gás são por conta dos ocupantes.

No Portal do Japão – Mundo Nipo – tem todas as informações sobre as vagas, telefones de contato para tirar dúvidas e uma ficha de cadastro para se candidatar.

Veja, a seguir, informações básicas sobre a vaga:
SETOR
Eletrônicos

TIPO DE SERVIÇO
Serviço leve: operação de máquinas para fabricação de componentes eletrônicos, entre outros serviços.

PERFIL DO CANDIDATO
Homens e mulheres na faixa etária de 18 até 45 anos. É necessário saber 30% do idioma japonês (básico). Embarque imediato para quem já tem visto japonês.

REMUNERAÇÃO
Tanto homens como mulheres recebem salário inicial de ¥1.250 por hora. Após 6 meses de trabalho, o salário sobe para ¥1.300. Depois de 1 ano, salário sobe para ¥1.350 por hora e, após 2 anos, o funcionário passa a receber ¥1.400. Conforme a lei trabalhista japonesa, ao se completar 8 horas trabalhadas, começa a contabilizar a hora extra.

HORAS EXTRAS
Horas extras e dias extras têm 25% sobre o salário normal. Média de 3 horas extra por dia.

HORÁRIOS E TURNOS
Diurno das 8:20 às 20:30 / Noturno das 20:20 às 8:30 (horários somados com 3 horas extras). Os turnos são alternados.



Empregos no Japão – Notícias

Empregos no Japão: aumento de vagas sem fim abre novas portas

Com inacreditáveis 100 para 60 vagas de empregos no Japão, e aumento de 1% ao ano nesta margem, o governo japonês enfim, abre as portas para descendentes da quarta geração e brasileiros sem descendência, porém qualificados.

O programa atual do governo japonês para descendentes da quarta geração, vai admitir até 4.000 yonsei por ano de qualquer nacionalidade.

Com o momento atual de falta de mão de obra no país, principalmente em setores como construção civil, e pressionado pelas obras da Olimpíada de Tóquio, em 2020, agricultura, indústria naval e cuidado de idosos, brasileiros sem descendência também serão selecionados.

As regras para os yonsei são bem mais restritas do que as das gerações anteriores. Além do certificado de japonês no nível 4, para o teste JLPT, ou E, no caso do J.TEST –Test of Practical Japanese, é preciso ter entre 18 e 30 anos e viajar sozinho, sem a família.

Para brasileiros puros, ainda não foram divulgadas as regras para se conseguir o visto de trabalho, porém a Agência de Empregos no Japão BR, acredita que sejam muitos os requisitos.

Como por exemplo:

Sem antecedentes criminais, emprego registrado por longa data no Brasil, comprovação de imóvel fixo, ter muita saúde, e idade entre 20 e 45 anos.

Fonte: Agência de Empregos no JapãoTurismo para o Japão

BR

 

Notícias Empregos no Japão

 

Empregos na Murata

Empregos no Japão MurataEmpregos na Murata – Se você é descendente de japoneses ou casado, esta é sua chance. A Murata componentes eletrônicos abriu centenas de vagas até março de 2018.

Atualmente a Murata Seisakusho é a empresa com maior número de brasileiros no Japão, abrigando mais de 10 mil funcionários e produzindo componentes eletrônicos para Sony, Apple, Samsung e LG.

Fábrica de condensadores mais importante do mundo, a Murata é a pioneira na fabricação de componentes e cria até as tecnologias que você vê nos celulares mais avançados, como micro condensadores.

As placas eletrônicas de todos os celulares carregam os condensadores da Murata. Quanto mais avançado é o telefone, mais probabilidade de ter componentes da Murata.

Os empregos no Japão da Murata, são atualmente os mais rentáveis e com garantia de permanência, caso o profissional seja focado no trabalho.

Para dekasseguis com Re-entry e visto recente, as propostas chegam a salários de 300 mil ienes, com prêmio + auxílio moradia.

Embarque imediato de empregos no japão para as melhores regiões do Japão

Serviço leve e limpo: Serviço de Kensa, e Serviço de NC Senban

 

Empregos no Japão Murata

Japonesa Murata Precisa de Centenas de Brasileiros
Para Trabalhar na Murata do Japão componentes eletrônicos, você precisa apenas ser descendente ou cônjuge.

 

Sobre o Japão – Conheça melhor o Japão

Sobre o Japão | O Japão, conhecido como o País do Sol Nascente, é um dos mais belos territórios do continente asiático e tem apaixonado milhares de visitantes todos os anos. A sua designação deriva do facto dos caracteres que compõem o seu nome significarem, em língua japonesa, “origem do sol”, algo que é representado na bandeira estilizada: um cículo vermelho sobre fundo branco.

Situado em pleno Oceano Pacífico, a leste da China, da Coreia do Norte e do Sul e da Rússica, o Japão é um arquipélago constituído por quase 7 mil ilhas, sendo que as quatro maiores – Honshu, Hokkaido, Kyushu e Shikoku – representam cerca de 97 por cento da área total do país. A sua capital é a cidade de Tóquio, que se situa na ilha de Honshu, e tem cerca de 10 milhões de habitantes, quase um décimo da população do país. A sua dimensão, assim como a sua importância, fazem dela um dos principais centros financeiros do mundo.

Sendo uma das principais potências econômicas do Mundo, o Japão posiciona-se como um importante agente na política internacional, sendo o único país da Ásia que faz parte do G7, o grupo das sete economias mais avançadas do planeta de acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI). Além disso, o Japão é um dos países com um dos maiores padrões de vida e tem o maior índice de esperança de vida de todo o mundo, fazendo dele um dos melhores locais para se viver em todo o globo terrestre.

Sobre o Japão

Sobre o Japão

Empregos no Japão | Passagem para o Japão | Visto para o Japão

 

Passagem para o Japão

Passagem para o Japão – para verificar disponibilidade de viagens, assim como, melhores datas de embarque, entre em contato.

Uma empresa de Passagem Aérea e Agência de Passagem para o Japão  em Sâo Paulo, foco em turismo e empregos no exterior. Entre em contato e veja nossos preços e condições de passagens aéreas.

Passagens Aéreas com preços promocionais.

Veja as datas e preços de passagens aéreas do site Empregos no Japão BR

Agende uma reunião em nossa agência ou ligue 99548-3878
Passagem Aerea

 

 

Empregos no Japão – governo aumenta cotas para trabalhadores estrangeiros

O governo japonês acaba de decretar uma nova regra para Empregos no Japão para não descendentes, mas apenas para alguns setores, e os trabalhadores deverão ter competências particulares.

De acordo com estatísticas oficiais de 2017, o Japão tinha 1,28 milhão de trabalhadores estrangeiros para uma população de 128 milhões de habitantes. Mais de um terço deles, o equivalente a 459 mil pessoas, são cônjuges de japoneses, estrangeiros que moram há muito tempo no país e que mantêm a nacionalidade de origem ou descendentes de nacionalidade estrangeira de japoneses que emigraram.

Em setembro de 2018, o índice de desemprego era de 2,3% da população ativa, um dos menores níveis em 25 anos.

Uma situação parecida, aconteceu em 1995 logo após o terremoto de Kobe, quando houve uma demanda fora do comum de mão-de-obra estrangeira para a reconstrução da cidade, uma vez que muitos japoneses não poderiam deixar os atuais empregos para ajudar a cidade.

Sendo assim, naquela época, muitos estrangeiros com capacitação em engenharia e construção civil, conseguiram visto de cinco anos para trabalhar no Japão.

Esta situação pode se repetir em 2019, se o país não conseguir abastecer a demanda de empregos em diversas áreas como construção, indústria, e alimentação.

Vale lembrar que para se conseguir tal benefício, o candidato deverá ter inúmeros requisitos para conseguir o visto, e não ser visto como um possível imigrante ilegal, ou que dê indícios de permanência acima do combinado em sua estadia. Além de ter que provar sua índole e moradia atual através de vários documentos.

O primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, espera que o novo sistema entre em vigor em 2019.

O governo prevê a criação de um novo tipo de visto que permitirá o acesso ao país dos imigrantes com menos qualificações que as exigidas habitualmente. O documento autorizaria o trabalho durante cinco anos.

Mas por enquanto, apenas descendentes conseguem o visto de emprego no Japão com facilidade.

Empregos no Japão

Empregos no Japão

 

Site de Empregos no Japão

Site de Empregos no Japão – A Agência de Empregos no Japão BR, lança seu novo site de Empregos no Google em áreas de busco jobs.

Agora também estamos na área de empregos do Google com dezenas de vagas de empregos no Japão em várias cidades.

As vagas de empregos no Japão podem ser encontradas através de celular, computador ou tablet, de maneira simples, e de fácil acesso ao contato da recrutadora.

Os interessados poderão falar pelo whatsapp e serão atendidos das 7 da manhã até as 22 horas.

Empregos no Japão

Empregos no Japão

Empregos no Japão na MurataEmpregos no Japão na SonyEmpregos no Japão na AisinEmpregos no Japão na ToyotaEmpregos no Japão na ExcedEmpregos no Japão na Toyota

Estão aptos para trabalhar no Japão, descendentes diretos de japoneses e cônjuges, casais com ou sem filhos, sanseis mestiços ou não, nisseis e nikkeys, e até yonseis da quarta geração.

Para Empregos no Japão, os descendentes da quarta geração deverão fazer uma prova de avaliação em Japonês.

Para maiores informações entre em contato conosco.

 

Koseki tohon

O que é o Koseki tohon, e como tirar o Koseki tohon para conseguir um visto de trabalho para o Japão. Documento necessário para conseguir Empregos no Japão.

O Koseki tohon é um documento japonês muito importante, onde contém dados da família descendentes de japoneses, semelhante a certidão de nascimento, óbito e casamento do Brasil, é o ponto inicial para tirar o visto para o Japão e passaporte japonês, pois é a partir deste Koseki tohon que você vai saber realmente qual o seu grau de descendência, se nissei, sansei, ou yonsei.

No Koseki Tohon quanto mais próximo do país de origem estiver a sua árvore genealógica, mais fácil será para você conseguir seu visto e embarcar a trabalho.

Por exemplo, se seu nome estiver em um documento como este dizendo que você é issei, seu embarque é imediato e sem burocracia. Você é considerado japonês.

Se seu nome vem no documento como nissei, seu visto de trabalho sairá em até dois meses, sendo avaliado pelo Consul de maneira mais branda.

Caso você esteja neste documento apenas com o nome dos avós e indicando que você é sansei, seu visto pode demorar até 6 meses para sair.

Já os bisnetos de japoneses, conhecidos como yonsei, deve conseguir um visto em pelo menos 1 anos após passar por um teste de japonês.

Koseki Tohon

 

 

Turismo no Japão

Empregos no Japão | Turismo no Japão | Uma das principais dicas turísticas de uma Viagem para o Japão , tem a ver com os templos de Quioto. É praticamente impossível visita-los todos, visto que são mais de 1600, mas também ninguém vai querer faze-lo. Fazer uma seleção dos melhores é bastante subjectiva, mas todos eles proporcionam uma experiência incrível, como é o caso do Tenryu-ji ou o Honen-in. No entanto, não tenha receio em visitar outro que não encontre listado na internet, pois não irá se arrepender.

Quando no Japão não deve perder a oportunidade de visitar Shirakawa-go, uma aldeia que parece saída directamente de conto-de-fadas. Classificada como Património Mundial do Japão, esta aldeia histórica, com a sua arquitectura tradicional – marcada pelos telhados triangulares em colmo, que servem para fazer escorregar a neve que se acumula no inverno – dá-lhe uma atmosfera única e pitoresca, difícil de igualar. Outro local protegido e classificado pela UNESCO é o castelo de Himeju, uma proeminente construção em madeira, que é talvez o mais emblemático edifício do país.Também conhecido como Castelo Garça Branca, a sua silhueta alva marca definitivamente a paisagem do Japão.

Finalmente, referência ao Museu da Paz de Hiroshima. Como é sabido, Hiroshima e Nagazaki tiveram um papel determinante na Segunda Guerra Mundial em um dos mais infelizes episódios da era moderna. O Museu da Paz é um local emocionante, que presta homenagem a todos aqueles que perderam a vida às mãos da bomba atómica. É um memorial à paz que faz com que o mundo não esqueça.

Viajar para o Japão é bastante fácil e existem várias companhias internacionais,que operam voos regulares para o País do Sol Nascente. Os preços podem não ser os mais baratos, mas quanto maior for a antecedência com que compra mais econômico ficará. Para entrar no país é necessário obter o respectivo visto. O visto de turismo tem validade até 3 meses e pode ser requisitado por qualquer visitante.

Empregos no Japão

Empregos no Japão

 

Cultura e Vivência no Japão

Empregos no Japão | Cultura e Vivência no Japão | Sendo um dos maiores beros culturais da Ásia, o Japão assume-se como um dos principais destinos turísticos asiáticos, graças também a um fascínio místico e fascinante que apaixona milhares de turistas todos os anos. O equilíbrio entre tradição e modernidade pode parecer difícil à primeira vista a um ocidental, mas uma estadia em terras japonesas revela-se sempre uma experiência inesquecível. Os motivos de visita são assim bastantes, seja tanto na capital como nas outras principais cidades, como Osaka, Hiroshima ou Nagasaki.
Também é possível viver no Japão, se bem que existe uma espécie de mito urbano que diz que apenas os descendentes o podem fazer. No entanto, nem sempre é fácil arranjar trabalho no país, pelo menos para quem não fala a língua. Ou então em uma das várias fábricas que existem pelo país, com vencimentos mais baixos e horários laborais mais longos.

Se tem interesse em EMPREGOS NO JAPÃO comece a estudar desde já, para que consiga um bom emprego.

O Japão é uma das maiores economias internacionais e um dos líderes globais na área da tecnologia e, como tal, é um país muito apelativo para tentar um futuro profissional mais próspero. O conforto e a qualidade de vida é extremamente elevada e, portanto, mais uma vantagem para quem está a pensar em mudar-se para o Japão. Contudo, convém ter presente que este é um país com uma vasta mão-de-obra qualificada. Seja como for, uma visita ao Japão, seja de curto, médio ou longo termo, será sempre uma experiência incomparável.

Cultura no Japao

Cultura no Japao